Trabalho do Instituto Histórico e Geográfico Oeste é apresentado na Câmara Municipal

Os serviços prestados em 104 municípios foram apresentados por representantes do Instituto Histórico e Geográfico Oeste (IHGO), em sessão ordinária, na Câmara de Vereadores, na última segunda-feira (17). A visita atendeu requerimento do vereador Wilson Cidrão (Patriotas).

A presidente da entidade, Eliane Corona, lembrou que o instituto foi criado em 2017 e tem o propósito de divulgar livros, fotografias e filmes nas áreas de pesquisa e interpretação.

Foto: CMC

Eliane Corona também falou sobre a intenção do instituto em digitalizar os documentos e acervos do legislativo chapecoense. Segundo ela, a digitalização tornaria os documentos mais seguros e de fácil acesso. “Seria disponibilizado um link para qualquer cidadão acessar todos os materiais da Câmara Municipal, como já fizemos em Criciúma”, exemplificou.

O vereador Cidrão falou da importância do cidadão chapecoense em acessar projetos de lei de 50 anos atrás. Já o presidente do parlamento chapecoense, Fernando Cordeiro (PSC), afirmou que o processo de digitalização do acervo está em análise administrativa. “Sabemos da importância dessa ação e estamos estudando a possibilidade”, destacou.