Servidores públicos participam da última etapa de capacitação para implantação do programa Escuta Especializada

Segundo o secretário municipal de assistência social e habitação, Eder Lussani, a implantação do programa integra o Governo Municipal com o apoio do Conselho Tutelar, Ministério Público e Vara da Família.

 

Profissionais das áreas de assistência social, saúde e educação participaram na última sexta-feira, 05, da última etapa de capacitação para implantação do programa Escuta Especializada. O programa é previsto pela Lei nº. 13.431/2017 e visa garantir os direitos da criança e do adolescente, a partir da estruturação de uma rede de proteção e definição de protocolos para identificar e dar encaminhamentos corretos às vítimas ou supostas vítimas de algum tipo de violência.

Segundo o secretário municipal de assistência social e habitação, Eder Lussani, a implantação do programa integra o Governo Municipal com o apoio do Conselho Tutelar, Ministério Público e Vara da Família.

“Foram dois encontros de capacitação para organizar uma rede de proteção conforme a realidade local. A intenção é diminuir os impactos causados na vida da vítima e poder agir sem que ela precise se expor. Muitas vezes ela dá sinais que para os profissionais que não podem mais passar despercebidos”, explica Eder.