Secretaria de Saúde usará drone agrícola para pulverizar biolarvicida contra mosquito da dengue

O bairro Pinheirinho foi escolhido pois é um dos que tem maior número de focos

Um drone agrícola é a nova arma de Chapecó contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue. A Secretaria de Saúde de Chapecó informa que amanhã à tarde (22) fará uma aplicação aérea de biolarvicida para combater o mosquito, no bairro pinheirinho.

De acordo com o secretário de Saúde, Jader Danielli, essa é uma novidade que está sendo contratada para buscar uma ação mais efetiva na aplicação. O bairro Pinheirinho foi escolhido pois é um dos que tem maior número de focos.

A Vigilância Ambiental informa que o larvicida utilizado é aprovado pela Organização Mundial de Saúde e não oferece qualquer tipo de risco à saúde humana ou de animais incluindo abelhas e outros polinizadores.

O produto age em recipientes que contenham água parada e especificamente sobre larvas dos mosquitos da dengue, pernilongo comum e borrachudos.Permanece ativo no ambiente por 30 dias.

Durante a aplicação os moradores devem evitar ficar diretamente expostos ao produto que está sendo aplicado e não deixar alimentos ou bebidas expostas. Após a aplicação lavar frutas e verduras antes de consumi-las.