Polícia Civil deflagra Operação Tolerância Zero em Chapecó

Dois homens e uma mulher foram presos 

 

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Chapecó (DIC-FROn) com apoio do SAER deflagrou na tarde desta quarta-feira (07), a Operação TOLERANCIA ZERO a qual  tinha como objetivo  cumprir  dois mandados de busca e apreensão e três de prisão preventiva. Foram presos dois homens e uma mulher.

As ordens judiciais foram deferidas na investigação dos fatos ocorridos na data de 21/01/2024 que resultou na morte de um homem de 23 anos, na Rua Dom Jose Gomes, no bairro Efapi, em Chapecó.

Durante as investigações, apurou-se que a vítima e esposa tinham uma relação de amizade com a mulher presa nesta tarde (07). Na noite do crime, os três teriam jantado e inserido bebida alcoólica na residência de um primo da vítima. Após o jantar, a vítima e a mulher presa teriam entrado em discussão.

Na sequência, a autora juntamente com mais dois homens, na madrugada do dia 21, por volta das 3h, retornaram para “acerto de contas” oportunidade que a vítima estava sentada em uma parada de ônibus conversando com um amigo quando acabou sendo atacado e ferido por vários golpes de faca/facão.

Ainda de acordo com as informações da Polícia Civil, com ajuda de imagens, é possível verificar a vítima já ferida correndo e um dos autores atrás segurando um facão. Poucos metros do local – o homem cai já sem vida.

Após os trâmites legais, os presos foram encaminhados ao presídio de Chapecó.

Com informações e foto: Polícia Civil