Governador Jorginho Mello entrega obras em Chapecó

Governador inaugura contorno Extremo Oeste e Novo Pavilhão da Efapi

 

O governador Jorginho Mello cumpriu agenda em Chapecó neste sábado, onde entregou as obras do novo pavilhão da Efapi, o contorno viário Extremo Oeste.

O novo pavilhão do Parque da Efapi tem 8.714,55 m² e substitui dois pavilhões redondos, que somavam quase cinco mil metros quadrados.

O pavilhão 1 tinha 3.017m² e o pavilhão 2 tinha com 1.947 m².

A nova estrutura é 75% maior do que os dois pavilhões antigos.

Além de ampliar a área de exposição o formato quadrado permite melhor aproveitamento dos espaços durante as feiras.

O projeto foi doado pelo arquiteto Flávio Lemos e o consórcio Oliveira/Rotesma foi o vencedor da licitação, no valor de R$ 19.036.350,44.

A ordem de serviço foi dada em maio do ano passado.

Aprovada pela Câmara de Vereadores e sancionada pelo prefeito João Rodrigues, lei que denomina a nova estrutura do Parque da Efapi como Pavilhão Prefeito Altair Wagner.

Ele foi prefeito de Chapecó de 1973 a 1977.

 

No ato de inauguração do pavilhão, foi celebrado convênio do Estado com a Prefeitura, no valor de R$ 200 mil, repassados via secretaria de Estado da Agricultura, para patrocínio do setor agropecuário da Efapi 2023. O secretário da pasta, Valdir Colatto, esteve presente, juntamente com o presidente de honra da Efapi 2023, Romeo Bet, que também preside a Cooperalfa.

Fotos: Leandro Schmidt/PMC

 

Contorno Viário Extremo-Oeste.

Também foi realizada neste sábado a inauguração do Contorno Viário Extremo Oeste Vespasiano Zandavalli, que liga a BR-282 com a SC-283.

O contorno vai atender a ampliação das indústrias de carne e processamento de soja, que vão demandar um fluxo maior de caminhões na região Leste do Município.

Também vai criar uma alternativa de acesso para estudantes das universidades e moradores de municípios vizinhos e do Extremo Oeste que vem a Chapecó.

A obra que iniciou em 2020 teve investimento de R$ 45.320.277,00, sendo R$ 25 milhões do Governo do Estado e o restante da Prefeitura.

A execução é da Construtora Oliveira, vencedora da licitação.