Chapecó se prepara para receber o público da Mercoagro 2023

Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), realizadora da feira, reuniu-se com as forças de segurança do município nesta semana

 

Os expositores, visitantes e compradores da Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne (Mercoagro) encontrarão em setembro, em Chapecó, uma cidade segura e com qualidade de vida. Para avaliar aspectos que podem ser gargalos durante a feira, a Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), realizadora da Mercoagro, reuniu as forças de segurança do município nesta semana: Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal.

A intenção foi expor sobre a Mercoagro e planejar o sistema de segurança e do trânsito no período de 12 a 15 de setembro. São esperados mais de 15 mil visitantes-compradores. A feira terá 228 expositores e 650 marcas representadas, com expectativa de geração de mais de 160 milhões de dólares em negócios diretos.

“Serão diversas pessoas que estarão em Chapecó e que vão usufruir da infraestrutura da cidade. Essa movimentação iniciará antes da Mercoagro, com a montagem dos estandes. Queremos antecipar essa organização para deixarmos tudo alinhado e sem problemas para o período da feira”, frisou o gestor da Mercoagro, Nadir José Cervelin.

A Guarda municipal vai auxiliar no fluxo de trânsito durante a feira. Também estão sendo avaliados locais para estacionamento durante os quatro dias da Mercoagro e, além das forças de segurança pública, os pavilhões do Parque de Exposições Tancredo Neves terão segurança privada contratada pela ACIC.

Participarão da feira empresas dos setores de refrigeração, sistema de automação industrial, ingredientes e aditivos, embalagens e tripas, transporte e armazenagem, equipamentos industriais e acessórios, projetos de engenharia e consultorias especializadas, entre outros produtos e serviços para atender a indústria da carne. Entre os países presentes estarão Alemanha, Argentina, Áustria, Austrália, Bolívia, Chile, Colômbia, Espanha, Estados Unidos, Itália, Equador, Bélgica, Holanda, Paraguai, Uruguai, Rússia, Canadá, China, França e Islândia.