Após Chapecó registrar 78 focos do mosquito Aedes Aegypti nos cemitérios do município ao longo do ano de 2021, iniciou em dezembro uma campanha de orientação à população, para adequar vasos, floreiras e outros recipientes por meio de perfuração ou colocação de areia.

Foto: Prefeitura de Chapecó

Na primeira quinzena do ano foi iniciada uma fiscalização nos dois maiores cemitérios do município, Cemitério Municipal e Parque Jardim do Éden, para acompanhar o andamento da campanha. Foi verificada uma grande melhora nas adequações, bem como a ausência de qualquer foco do mosquito em ambos os cemitérios.

A equipe de Vigilância Ambiental comemora o resultado, mas reforça a necessidade da adequação. “A fiscalização será mantida, e os responsáveis, notificados”, afirma Karina Giachini, Coordenadora da Vigilância Ambiental.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here