Três crianças e duas professoras morreram após um jovem de 18 anos invadir a escola Pró-Infância Aquarela, por volta das 10h30 desta terça-feira (04) em Saudades. Segundo informações, o jovem teria golpeado as vítimas com uma arma branca. A polícia civil disse em entrevista que ainda não é possível afirmar as características do objeto, pois o local foi isolado para perícia.

Quando chegou no educandário, o jovem foi atendido por funcionários, momento em que começou a golpear a professora, primeira vítima fatal. A professora ainda tentou correr para um sala para se proteger, mas infelizmente além dela, o jovem acabou golpeando outras 4 crianças e uma funcionária do local, que estavam na sala.

Ao todo cinco pessoas morreram, a professora e duas crianças morreram no local, uma criança morreu no hospital, e a quinta vítima, uma funcionária que havia sido socorrida com vida e foi encaminhada para atendimento médico. Existe ainda uma criança ferida, mas que não corre risco de vida. O bebê de um ano e 09 meses, um menino, foi transportado pelas Equipes do  SAER e do SARA, para o Hospital Regional de Chapecó. Ainda não foi informado as idades das vítimas, mas segundo informações da prefeitura de Saudades, a escola atende cerca de 30 alunos do berçário até os 3 anos.

Durante entrevista coletiva, à Polícia Civil reiterou que o jovem que cometeu os crimes não tinha passagem policiais. A motivação do crime segue sendo investigado. Após o crime, o jovem foi detido por populares, até a chegada da polícia. Ele ainda tentou cometer suicídio.

Em estado grave o jovem foi conduzido para atendimento médico no hospital de Pinhalzinho, e agora será transferido para outro hospital da região. O destino não foi informado pela PM. Com informações da Rádio Nova FM de Pinhalzinho.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here