Impactado pela tragédia que vitimou três crianças e duas mulheres em uma creche em Saudades o prefeito de Chapecó, João Rodrigues, anunciou que vai acelerar as medidas de incremento de segurança nas escolas. 

Primeiro ele manifestou solidariedade e condolências para as famílias das vítimas. Depois anunciou a Patrulha Escolar, que consiste num veículo com quatro servidores da diretoria de Segurança Pública, que vai percorrer as escolas municipais. Além disso, os portões das escolas serão trancados após a entrada dos alunos e somente poderão entrar pessoas identificadas e autorizadas pela gestora da unidade. 

Além disso, em transmissão pelas redes sociais, o prefeito compartilhou sobre as audiências que está realizando em Brasília. 

Na segunda esteve com o ministro da Secretária-geral da Presidência da República, Onyx Lorenzoni, com o secretário-executivo do Ministério da Infraestrutura, Marcelo Sampaio Cunha Filho, e com o secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Marcos Montes Cordeiro. O principal pleito foi a busca de recursos para o Elevado da Bandeira, que tem como objetivo desafogar o trânsito na rótula que fica entre o acesso da BR-480, com Avenida Fernando Machado, avenida Leopoldo Sander e rua Humaitá. A obra está estimada em R$ 34 milhões. 

Nesta terça-feira ele esteve no Congresso Nacional e também em audiência com o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, tratando do projeto de macrodrenagem de Chapecó. 

Nesta quarta-feira vai até o Ministério do Turismo, em busca de recursos para incrementar as atrações de Chapecó, como o Goio-Ên e a Trilha do Pitoco. 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here