Um novo decreto publicado nesta quinta-feira (18) pela Administração Municipal deu mais uma “apertada” nas medidas restritivas, com o objetivo de frear o contágio da Covid-19 na cidade e assim aliviar a demanda em ambulatórios e hospitais. 

As medidas do decreto anterior, como o fechamento de casas noturnas, boates, tabacarias e pubs, foram prorrogadas até o dia primeiro de março. E a partir desta quinta-feira, até primeiro de março, estão suspensos os eventos sociais, como casamentos e aniversários, além do funcionamento de clubes, sedes sociais, campings e parques aquáticos. 

O consumo de bebida alcoólica, que já estava proibido em vias públicas, foi vedado também em lanchonetes. Nas lojas de conveniência dos postos de combustível pode vender bebida de álcool mas não pode ser consumida no local. E, em restaurantes que estão funcionando das 10h às 14h e, das 18h às 22h, só pode bebida alcoólica durante as refeições. No shopping os restaurantes e lanchonetes podem funcionar até 22h, mas sem bebida de álcool. 

“É só durante a refeição que pode beber, depois não é para ficar aglomerando. Quem tem bar e restaurante é melhor abrir só ao meio-dia pois se a fiscalização constatar que que está descumprindo o decreto será fechado. Estamos buscando um equilíbrio para não prejudicar ninguém”, disse o prefeito João Rodrigues. 

As medidas foram apresentadas em reunião do Comitê de Enfrentamento à Covid, para apreciação e sugestões, antes de serem publicadas. Na reunião foram apresentadas as dificuldades que os hospitais estão enfrentando para atender o aumento no número de pacientes, mas também a ampliação de leitos e contratação de novos profissionais. 

Os profissionais de Saúde alertaram para a necessidade de cuidados da população para que o sistema não entre em colapso por falta de leitos. 

NÚMEROS ATUALIZADOS DESTA QUINTA-FEIRA (18)

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here