A Federação Catarinense de Municípios (FECAM) realiza ato de eleição e posse do Conselho Executivo e do Conselho Fiscal nesta quarta-feira (20/1), a partir das 9 horas, no auditório do Hotel Faial, no centro de Florianópolis. O então presidente Paulinho Weiss (PT) transmitirá o comando da FECAM para o prefeito de Araquari, Clenilton Carlos Pereira (PSDB), indicado por consenso, em chapa única para a gestão 2021/2022. A chapa de consenso foi acordada pelos prefeitos e prefeitas indicados pelas 21 Associações de Municípios.

O evento contará com a presença do presidente da Associação Paulista de Municípios, Fred Guidoni, prefeito de Campos do Jordão/SP, que falará sobre a importância do municipalismo e as experiências da entidade paulista.  A Assembleia de eleição e posse será realizado de forma presencial, seguindo regramento sanitário e pode ser acompanhada virtualmente no canal da FECAM no Youtube https://www.youtube.com/user/REDEFECAM. O encerramento está previsto para as 11 horas.

A nova diretoria tem a característica pluripartidária com a representação de prefeitos e prefeitas de todas as regiões do Estado. A nominata que tomará posse no Conselho da FECAM, além do prefeito de Araquari, Clenilton Pereira (AMUNESC) na presidência, tem a prefeita de Vargem (AMPLASC), Milena Andersen Lopes Becher (PL) para vice-presidente; o prefeito de Blumenau (AMMVI), Mario Hildebrandt (Podemos) para segundo vice; o prefeito de São Carlos (AMOSC), Rudi Miguel Sander (PP) para terceiro vice-presidente; o prefeito de Orleans (AMREC), Jorge Luiz Koch (MDB) para primeiro tesoureiro; o prefeito de Bombinhas (AMFRI), Paulo Henrique Dalago Muller (DEM) para segundo tesoureiro; o prefeito de Seara (AMAUC), Edemilson Canale (PSD) para primeiro secretário e a prefeita de Cunha Porã (AMERIOS), Luzia Vacarin (PSDB) para segunda secretária.

Para o Conselho fiscal os indicados são o prefeito de São José, Orvino Coelho de Ávila (PSD); o prefeito de Bela Vista do Toldo, Adelmo Alberti (PSL); o prefeito de São João do Itaperiú, Clezio José Fortunato (MDB), a prefeita de Santa Cecília, Alessandra Garcia (PSB); o prefeito de São Joaquim, Giovani Nunes (PSL); o prefeito de Lebon Régis, Douglas de Mello (PDT) e o prefeito de Xanxerê, Oscar Martarello (PSDB). Na suplência, o prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli (PP); o prefeito de São João do Sul, Moacir Teixeira (MDB); a prefeita de Trombudo Central, Geovana Gessner (MDB); o prefeito de Capinzal, Nilvo Dorini (MDB); o prefeito de Quilombo, Silvano de Pariz (PSL) e o prefeito de Palma Sola, Cleomar Mantelli (MDB).

NOVO PRESIDENTE – Clenilton Pereira foi reeleito prefeito de Araquari com 82% dos votos nas eleições de 2020. Aos 43 anos, Clenilton dedicou 20 deles à vida pública. Foi o mais jovem a assumir uma cadeira na Câmara de Vereadores do município, ocupando o cargo de vereador por três vezes. Sua formação é em Marketing. Já foi presidente da Câmara de Vereadores, subprefeito da região do Itapocu, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e vice-prefeito. No seu currículo, a dedicação e o empenho na instalação da montadora BMW na cidade ganha destaque.

No comando da FECAM, Clenilton destaca a necessidade de continuar os trabalhos pelo municipalismo da diretoria passada, na defesa de ações e projetos que fortalecem a gestão nas prefeituras catarinenses e contribuem para melhorar o atendimento aos cidadãos. Pacto Federativo, estreitamento da relação com o executivo estadual, recuperação econômica dos municípios afetados pela pandemia são temas que estão na pauta do novo presidente, além do olhar atento à inovação e tecnologia para auxiliar os gestores públicos municipais. Também em destaque, a atenção para ações de enfrentamento à COVID-19, agora com o início da vacinação em todos os municípios catarinenses.

HOMENAGEM– O catarinense Vinícius Lummertz, secretário de Turismo  de São Paulo, participará do evento e será homenageado pelo municipalismo catarinense, em virtude da sua ação de articulação entre a FECAM e o Instituto Butantan para que SC tivesse acesso à vacina Coronavac.

A FECAM foi a primeira entidade municipalista a assinar o protocolo com o Butantan e iniciou no Brasil um movimento dos prefeitos e governadores em busca da vacina Coronavac.

Para o presidente da FECAM, Paulinho Weiss, a ação ficará marcada na história do municipalismo catarinense e o agradecimento ao secretário Lummertz é pelo reconhecimento e consideração que tem pelo Estado. O diretor do Instituto Butantan, médico, pesquisador e professor, Dimas Tadeu Covas, também receberá homenagem da FECAM e participará virtualmente.

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here