O suspeito de matar um homem no centro de Chapecó, na tarde de segunda-feira (04), se apresentou a Polícia Civil nesta quarta-feira (06). Acompanhado de seu advogado, permaneceu em silêncio.

A Polícia Civil divulgou uma sobre o caso. Leia:

NOTA À IMPRENSA

A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Chapecó (PCSC/DIC), órgão com atribuição constitucional e legal para a apuração de infrações penais, considerando os reiterados pedidos de informação por parte da imprensa no tocante ao homicídio consumado de IVAN RODRIGO ARGENTA, de 42 anos de idade, em decorrência de ferimentos produzidos por projéteis de cartuchos de munição de arma de fogo, por volta das 18h00min do dia 04 de janeiro de 2021, na Avenida Getúlio Vargas, no centro desta Cidade de Chapecó, Estado de Santa Catarina, manifesta-se no seguinte sentido:

  1. A arma utilizada como instrumento para a execução do crime de homicídio será submetida ao exame de comparação balística com os projéteis extraídos do corpo da vítima.
  2. Na tarde do dia 06 de janeiro de 2021, o suspeito da prática criminosa – um homem de 47 anos de idade – apresentou-se à autoridade policial responsável, acompanhado de advogado constituído, oportunidade em que foi formalmente interrogado. Na ocasião, ciente das imputações que lhe são feitas e dos seus direitos constitucionais, o suspeito optou por permanecer em silêncio.
  3. Demais detalhes acerca da investigação somente serão prestados, como de praxe, ao término do Inquérito Policial, tendo em vista a sua natureza sigilosa.

Chapecó/SC, 06 de janeiro de 2021.

Vagner Tiago Ramos Papini

Delegado de Polícia Civil

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here