Em Sessão Extraordinária realizada, na noite desta segunda-feira (23), por meio virtual, os conselheiros da Associação Chapecoense de Futebol decidiram, de forma oficial, pela prorrogação dos mandatos dos Conselho de Administração e Fiscal até 31 de dezembro de 2021 e do Conselho Deliberativo até 30 de abril de 2022.

Considerando a reforma estatutária já aprovada, que prevê a criação de duas novas vice-presidências, redução de cargos na direção do Conselho Deliberativo e vacância de membro do Conselho Fiscal, foram discutidas e aprovadas, também, a recomposição dos referidos conselhos. Diante de aprovação de forma unânime, as nominatas foram configuradas conforme descrito abaixo:

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO: 

Presidente: Paulo Ricardo Magro
Vice-Presidente Administrativo/Financeiro: Gilson Sbeghen
Vice-Presidente de Futebol Profissional: César Antônio Dal Piva
Vice-Presidente de Marketing: João Carlos Stakosnki
Vice-Presidente Jurídico: Ilan Bortoluzzi Nazário
Vice-Presidente de Patrimônio: Pablo Davi
Vice-Presidente de Futebol das Categorias de Base: Márcio Stakonski

CONSELHO DELIBERATIVO: 

Presidente: Rudimar Roberto Bortolotto
Vice-Presidente: Arthur Badalotti Smaniotto

CONSELHO FISCAL: 

Membros Titulares:
Cláudio Jorge Kracker
Marcelo Covatti
Dério Lazzaretti
Membros Suplentes
Ivanor Arraldi
Eloi Bergamaschi
Delso Bonfante

A sugestão de prorrogação dos mandatos e recomposição dos conselhos surgiu diante das adequações dos calendários das competições disputadas pela Chapecoense, tendo em vista o encerramento da Série B apenas em 30/01/2021 e com o final da temporada 2021 previsto para 05 de dezembro. Diante da aprovação, as mudanças passam a valer desde já.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here