Gestão modernizada, profissionalização, atenção às demandas da comunidade e adoção de estratégias planejadas que precisam ir além do curto prazo. Esses são alguns pontos enfatizados pela entidade que representa as empresas do comércio em 25 municípios do Oeste Catarinense. Ao mesmo tempo em que saúda os eleitos para o executivo e o legislativo municipal e expressa o desejo de sucesso a prefeitos e vereadores, o Sindicato do Comércio da Região de Chapecó (Sicom), através de sua presidência, indica algumas expectativas de cunho geral.

Uma delas, conforme o presidente Ricardo Urbancic, é para que os municípios privilegiem a gestão mais profissional e busquem maior eficiência nos resultados. “É isso, certamente, que a população mais espera em setores fundamentais e que afetam a vida diária, como saúde, educação, infraestrutura e segurança”, afirma o empresário. Nessa mesma linha, defende o enxugamento da estrutura da máquina pública, especialmente com a adoção de recursos tecnológicos que facilitem o atendimento ao cidadão, inclusive por meio de plataformas digitais, paralelamente à desburocratização e valorização dos funcionários de carreira.

Quanto ao desenvolvimento socioeconômico, a perspectiva do Sicom é para que os municípios adotem políticas de médio e longo prazo direcionadas para o empreendedorismo, cada um valorizando suas potencialidades, seja na cidade ou no campo. Especificamente quanto ao comércio, Ricardo Urbancic enfatiza a importância do setor, seja de varejo ou de atacado, “para o desenvolvimento com geração de emprego e renda, não pensando somente nas empresas”. Exemplifica com a necessidade de horários convenientes de funcionamento, de maneira que não sejam engessadas as decisões de abertura e fechamento, para que ocorram conforme a conveniência dos consumidores.

“É fundamental que velhas necessidades sejam destravadas e outras implantadas com efetividade pelo poder público, diante das carências apresentadas pelas pessoas e pelas próprias empresas”, defende o presidente do Sindicato do Comércio da Região de Chapecó.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here