Na manhã desta quarta-feira (14), após uma semana de buscas, a Polícia Civil localizou e efetuou a captura do homem investigado pelo estupro da própria filha em Chapecó.

A ação foi consequência de um inquérito policial instaurado pela DPCAMI (Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso) no início deste mês, após o recebimento de uma denúncia anônima sobre a possível prática de violência sexual.

Através das apurações, foi constatado que o investigado, de 49 anos, vinha mantendo relações sexuais regularmente com uma de suas filhas, de apenas 11 anos de idade.  Os fatos ocorriam na residência da família, situada na zona rural de Chapecó. O laudo pericial confirmou o abuso.

A vítima, que era constantemente ameaçada, relatou os acontecimentos detalhadamente à psicóloga policial, também indicou testemunhas que confirmaram a sua versão. O Conselho Tutelar foi acionado para realizar atendimento médico e acolhimento institucional.

De acordo com a Polícia Civil, a equipe da DPCAMI realizou todas as providências necessárias para a conclusão do inquérito e efetuou a expedição do mandado de prisão preventiva do suspeito, que se encontrava foragido.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here