O presidente estadual do PSL destituiu, nesta quarta-feira (16), o prefeito de Chapecó, Luciano Buligon, da presidência da executiva da sigla em Chapecó. O motivo, segundo ofício, é o “descumprimento das determinações partidárias”.

Na terça-feira (15), com articulação do prefeito e da deputada federal Caroline De Toni, o PSL definiu em convenção a candidatura a vice na chapa com o Patriota, para concorrer na eleição municipal de 15 de novembro.

A direção estadual ainda não se manifestou a respeito.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here