O forte vento que atingiu a nossa região causou estragos em diversas cidades. Em Chapecó, como foi divulgado amplamente pelo Grupo Chapecó de Comunicação (Rádio Chapecó e Massa FM), os estragos ocorreram em diversos pontos e bairros.

Os principais registros recebidos pelo Corpo de Bombeiros foram de queda de árvores e destelhamentos. Todos os batalhões do Estado registraram ocorrências, empregando mais de 1.450 bombeiros militares, 674 bombeiros comunitários, 402 viaturas, além de duas equipes de força-tarefa e um cão de buscas. Em Chapecó, uma mulher de 78 anos morreu após ser atingida por uma árvore.

No vídeo, é possível visualizar a força dos ventos, que atingiram mais de 100km/h em Chapecó. Na última terça-feira (30), profissionais que trabalham na construção dos novos estúdios da Rádio Chapecó e Massa FM registraram a intensidade do vento nos altos do bairro Esplanada. Assinalado em laranja está a torre de transmissão do Grupo Chapecó de Comunicação. Em azul, uma torre de telefonia celular, balançando.  O vídeo é de autoria de Lucas Junior Spironello.

ASSISTA:

TRABALHOS NO ESTADO

Técnicos da Defesa Civil de Santa Catarina (DCSC) continuam fazendo o levantamento dos prejuízos causados pelo ciclone. Os trabalhos de reparo na rede de distribuição de energia elétrica começaram na tarde de terça-feira, 30, envolvendo em torno de 1,3 mil profissionais, divididos em 300 equipes pelo Estado.

Segundo a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (SIE), os pontos de obstrução causadas por quedas de árvores e postes em rodovias estaduais já foram liberados. O trabalho de limpeza nas pistas, em alguns trechos, seguirá até a próxima sexta-feira (3).

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here