O município de Chapecó atualizou, às 11h10 desta quarta-feira (1) sobre os prejuízos causados pelo temporal do dia anterior. Escolas foram danificadas e 10 mil unidades consumidoras ainda seguem sem energia elétrica.

O Município segue monitorando a situação em todas as áreas e mobilizado no atendimento aos registros de destelhamento, quedas de galhos, árvores, limpezas gerais, desobstrução de vias e apoio a outros prejuízos materiais ocorridos em função do vendaval da tarde desta terça-feira (30-06) em todo o Estado.  O objetivo é não deixar ninguém desassistido.

Seguem nas ruas as equipes da Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade (SEDEMOB), por meio da Defesa Civil, Guarda Municipal e Agentes de Trânsito, Secretaria de Infraestrutura Urbana (SEINFRA), Superintendência da Efapi e Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (SEDEMA). O trabalho é integrado com o efetivo do Corpo de Bombeiros e funcionários da Celesc.

Ontem, o trabalho conjunto seguiu até por volta de 20hs, com a desobstrução de todas as vias, exceto a Avenida Ernesto José De Marco, comprometida pela queda de três postes de energia elétrica.

Foto cedida pela Prefeitura de Chapecó

Informações gerais e específicas por áreas:

  • ÓBITO – O maior prejuízo do vendaval desta terça-feira (30-06) em Chapecó foi a vida de uma senhora de 78 anos, do bairro Quedas do Palmital. A Administração Municipal lamenta profundamente o falecimento da moradora, vitimada pela queda de árvore durante o temporal. Os mais profundos sentimentos à família e amigos.
  • A Defesa Civil de SC registrou ventos de até 108 km/h em Chapecó. E, segundo a Epagri/CIRAM, choveram 38 milímetros ontem no Município. O acumulado de junho é de 333 milímetros.
  • Neste momento, não há família desalojada ou desabrigada em Chapecó.
  • Segundo informações da Celesc, 10 mil unidades ainda estão sem energia elétrica (informação atualizada às 9h30).
  • Equipes de empresas de telefonia e internet seguem mobilizadas para reparar os prejuízos nos sistemas de comunicação.
  • Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade (SEDEMOB): recebeu, via Defesa Civil, 450 registros de destelhamentos, quedas de árvores e galhos. Até o momento, 25.000 m2 de lona foram distribuídos à população afetada, compreendendo o volume entregue pela SEDEMOB, Cruz Vermelha, Corpo de Bombeiros e Superintendência da Efapi.
  • Secretaria de Infraestrutura Urbana (SEINFRA) – Continua com equipes de podas e limpeza atuando nos pontos críticos. Três máquinas auxiliam no trabalho.
  • Superintendência da Efapi – Trabalha com equipes de apoio na Avenida Ernesto José De Marco.
  • Secretaria de Educação – foram registrados prejuízos em Escolas de Educação Básica (EBM’s) e Centros de Educação Infantil Municipais (CEIM’s):

– EBM Anita Garibaldi – arrancou e destruiu toldo da janela da cozinha;

– EBM André Marafon- árvore caiu, derrubou certa e pilares;

– EBM Água Amarela- árvore e duas folhas zinco do ginásio arrancadas, goivos e forro cederam em duas salas, danificou a casinha do playground, e danificação na parte elétrica do ginásio;

– EBM Olímpio Figueiró – queda de árvore;

– EBM Sape Ty Ko- um goivo danificado;

– EBM Waldemar Kleinubing – danificação da lona do toldo de entrada, em torno de um metro de aba;

– EBM Padre José de Anchieta – folgas de brasilt e alguns goivos da área cobertura;

– CEIM Alegria do Saber – queda de pinheiro atingiu cerca de 40% da estrutura do telhado e área externa, quebrou brasilits, forro, goivos, playground;

– CEIM Maria Helena – deslocamento de goivos;

– CEIM Vila Esperança – calhas sujas, galhos de árvore caíram sobre o pátio e telhado teve dois brasilts quedrados;

– CEIM Esplanada- dois goivos e duas folhas de brasilit danificados;

– CEIM Universo- queda de árvore quebrou alguns brasilits;

– CEIM Proteção – queda da árvore sobre a cerca;

– CEIM Aquarela – destelhamento, quebra de seis brasilits;

– CEIM Projeto – queda de árvore na fiação elétrica, danificação de brasilits e goivos na área coberta e corredor.

  • Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente: coordenadores das regiões do interior estão verificando in loco a situação das estradas e ouvindo agricultores. Por hora, de mais relevante, foi o registro de queda de árvores em localidades pontuais e pequenos deslizamentos que não chegaram a interromper os acessos.
  • Secretaria de Juventude Esporte e Lazer (SEJEL): registrou estragos no telhado e em uma parede do Ginásio do Bairro Universitário. No Complexo Esportivo Verdão teve queda de árvores;
  • Secretaria de Saúde (SESAU): pelo menos 30% dos Centros de Saúde da Família seguem sem energia elétrica. O CSF Cristo Rei foi atingido por uma árvore.
Foto cedida pela Prefeitura de Chapecó

Pontos mais afetados:

>> Bairros mais afetados: Quedas do Palmital (óbito), Bela Vista, Engenho Braun, região da Av. Ernesto José De Marco (Araras), Santa Rita, Alvorada, Eldorado, Líder e Desbravador;

>> Av. Ernesto José De Marco (Araras): previsão de liberação de meia pista ainda pela manhã. Houve queda de três postes da rede de energia elétrica. Equipes da Guarda Municipal, Defesa Civil, Agentes de Trânsito, Infraestrutura Urbana, Superintendência da Efapi e Celesc continuam trabalhando no local;

>> Na Av. Leopoldo Sander teve quedas de árvores e postes;

>> Na Rua Sete de Setembro, entre a Osvaldo Aranha e a 14 de Agosto, e na Rua Brusque, no bairro Bela Vista, houve queda de árvore de grande porte e de fios da rede elétrica.

Corpo de Bombeiros Militares:

Para emergências, caso o telefone 193 esteja fora do ar, acionar via whatsapp, pelo 99911-2613.

Alerta:

O Município reforça e orienta a população para que evite transitar nos locais atingidos e tome as devidas precauções na hora de reparar os prejuízos, principalmente em telhados, para evitar quedas.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here