Nesta quinta-feira, dia 27, o Rio Uruguai voltou ao seu nível normal. Na última segunda-feira, dia 24, o Rio estava com pouca vazão, o que acarretou a suspensão de energia da Usina Foz do Chapecó. A empresa emitiu uma nota sobre o assunto.

“A Foz do Chapecó Energia faz a gestão do reservatório da usina conforme determinações do Operador Nacional do Sistema (ONS). Desde o início do ano, em função do baixo volume de chuvas, a geração está reduzida. A Foz do Chapecó salienta que a redução na geração não impacta na vazão de água que deve ser liberada para o percurso abaixo da usina, sendo mantido o que determina a legislação.A Foz conversou com o ONS e pediu que fosse liberado mais água durante o dia por causa de Itapiranga”.

Foto: Alessandro Souza / Arquivo Rádio Chapecó

De acordo com dados publicados no site, a empresa ficou sem gerar energia entre as cinco horas da manhã do dia 24 e as oito horas do dia 25, ou seja, por cerca de 27 horas. E mais um período de quatro horas na madrugada do dia 26. Mesmo assim, os vertedouros continuaram largando água com vazão que chegou a 170 M³/S sendo que normalmente essa vazão é de 076 M³/S.  As informações são da Rede Peperi.

LEIA MAIS: Baixa do Rio Uruguai dificulta a navegação

O nível na régua de medição no porto Arui em Itapiranga está em cerca de 85 cm. Na segunda-feira, chegou na casa dos 40 cm.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here