Já rebaixada para a Série B, a Associação Chapecoense de Futebol foi ao litoral paulista enfrentar o Santos na Vila Belmiro, neste domingo (1). Peixe que não tinha o técnico Jorge Sampaoli, suspenso.

Na vila mais famosa do mundo a Chape jamais havia vencido, pois perdeu todas as quatro partidas. A única vitória fora de casa diante do Santos foi ano passado no Pacaembu.

O time da casa abriu o placar aos sete minutos, com Lucas Veríssimo. Evandro fez a jogada pela esquerda e cruzou na medida para a conclusão. A Chapecoense só levou perigo aos 22 minutos, quando Camilo quase fez um gol olímpico. O goleiro defendeu e Hiago, no rebote, mandou para fora.

Dalberto teve de entrar aos 35 minutos, no lugar de Renato, lesionado. O primeiro tempo terminou até equilibrado, mas com a vitória parcial do time santista.

No intervalo foi informado que Renato sentiu dores no músculo posterior da coxa esquerda e passará por avaliação no retorno a Chapecó. Marquinhos Santos não fez alterações antes do segundo tempo. No Santos, saiu Tailson e entrou Derlis González.

O segundo gol da partida aconteceu logo no princípio da etapa final. Marinho cruzou e Evandro desviou para as redes. O Santos agora vencia por dois a zero.

Hiago, também machucado, saiu aos 16 minutos, para a entrada de Maurício Ramos. O terceiro a entrar foi Gustavo Campanharo, na vaga de Elicarlos.

O jogo se arrastou até o apito final e terminou com a vitória do Peixe por dois a zero. Na quarta-feira, penúltima rodada, tem Chape x CSA, às 21h, na Arena Condá. No próximo domingo, dia 8, a Chapecoense encerra a temporada diante do Vasco, no Rio de Janeiro.

Após a vitória deste domingo, o Santos precisará de apenas um ponto para confirmar o vice-campeonato.

Santos: 22)Everson 4)Victor Ferraz 28)Lucas Veríssimo 6)Gustavo Henrique 36)Felipe Jonatan 5)Alison 7)Carlos Sánchez 25)Evandro (Diego Pituca) 11)Marinho 39)Tailson (Derlis González) 27)Eduardo Sasha (Kaio Jorge) Técnico – Jorge Désio (Interino)

Chapecoense: 1)João Ricardo 2)Eduardo 23)Douglas 35)Hiago (Maurício Ramos) 90)Roberto 55)Amaral 8)Márcio Araújo 86)Elicarlos (Campanharo) 88)Camilo 19)Renato (Delberto) 27)Arthur Gomes Técnico – Marquinhos Santos

Arbitragem: Marielson Alves Silva (CBF/BA), auxiliado por Clóvis Amaral da Silva (CBF/PE) e Jucimar dos Santos Dias (CBF/BA). Quarto Árbitro: Rodrigo Gomes Paes Domingues (CBF/SP) / Analista de Campo: Newton dos Reis Barreira (CBF/SP) / Árbitro de Vídeo: Carlos Eduardo Nunes Braga (CBF/RJ) / Assistente de Vídeo 1: Gilberto Rodrigues Castro Junior (CBF/PE) / Assistente de Vídeo 2: Diogo Carvalho Silva (CBF/RJ) Observador de VAR: Emerson Luiz Sobral (CBF/PE)

Placar: Santos 2×0 Chapecoense (Lucas Veríssimo e Evandro)

Cartões amarelos: Marinho, Alison (San); Dalberto (Cha)

Estádio: Vila Belmiro, em Santos

Horário: 19h (Domingo, dia 01/12/19)

Público: 6.961 torcedores

Renda: R$ 200.690

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here