A Associação Chapecoense de Futebol foi até Maceió, Alagoas, para jogar na noite de domingo (8), diante do Centro Sportivo Alagoano (CSA), pela 18ª e penúltima rodada do turno do Campeonato Brasileiro da Série A. O time catarinense precisava vencer para seguir na busca da permanência por mais uma temporada na elite nacional e para diminuir para um ponto a diferença em relação ao Cruzeiro, primeiro fora do Z-4.

Na entrada em campo, jogadores carregaram uma faixa com os seguintes dizeres: “Na luta por justiça, somos mais fortes! Familias e Chape juntos”. A iniciativa foi autorizada pela CBF e fazia alusão às reivindicações das famílias das vítimas do acidente aéreo de novembro de 2016, que ainda não foram devidamente indenizadas pela corretora Britânica AON e resseguradoras Tokio Marine e Bisa.

A Chape não começou bem a partida, tanto que em oito minutos o CSA teve dois gols anulados. O primeiro foi de Apodi, em impedimento, e o segundo de Alecsandro, onde o árbitro marcou falta. Aos 18 minutos, Maurício Ramos fez pênalti sobre Naldo. Alecsandro cobrou e Tiepo defendeu. No rebote, o mesmo Alecsandro  tentou aproveitar mas fez falta.

Foto: Chapecoense

A partir da metade do primeiro tempo a partida ficou um pouco mais equilibrada. Em uma roubada de bola, aos 26 minutos, Everaldo concluiu e quase marcou. Outras duas oportunidades surgiram, aos 36 e 37 minutos, com Aylon e Gum. A primeira resultou em escanteio, que ao ser cobrado, o zagueiro mandou para fora, de cabeça.

Após dois gols anulados e uma penalidade desperdiçada, o clube alagoano inaugurou o marcador aos 39 minutos. Jonatan Gómez cobrou escanteio e Alecsandro, de cabeça, tirou do goleiro Tiepo. Com a vitória parcial por um a zero para o CSA, os jogadores foram para o intervalo.

Os treinadores não mexeram nas formações de suas equipes para o segundo tempo. E na primeira volta do ponteiro, pênalti para a Chapecoense. Aylon chutou e a bola bateu no braço de Alan Costa. Na checagem de vídeo a penalidade foi confirmada. Porém, Everaldo cobrou e Jordi defendeu.

Era o Verdão que mais buscava o ataque no tempo final e o time da casa arriscava nos contra-ataques. O que já era ruim ficou ainda pior. Aos 24 minutos, Márcio Araújo, que já tinha cartão amarelo, foi expulso por nova falta em Apodi. E pior ainda aconteceu aos 32 minutos, quando Gum recebeu vermelho por falta em Safira.

Após colocar Augusto e Rafael Pereira, o técnico Emerson Cris colocou Régis em campo, já aos 44 minutos. No minuto final, Jonatan Gómez fez mais um gol e confirmou a vitória do CSA por dois a zero. A Chapecoense não teve força nem qualidade para sequer empatar quando perdia por apenas um gol de diferença.

Na próxima rodada tem Chape x Vasco, no sábado (14/9), 19h, para fechar o turno na Arena Condá, em Chapecó. Após essa nova derrota, os dois representantes de Santa Catarina fecham a tabela de classificação: o Avaí, lanterna, com 10 pontos, e a Chape em 19º lugar, com 14 pontos.

CSA: 12)Jordi 20)Apodi 3)Alan Costa 4)Luciano Castán 6)Carlinhos 5)Naldo (Jean Cléber) 7)João Vitor 8)Dawhan 29)Jonatan Gómez 18)Hector Bustamante (Alisson Safira) 99)Alecsandro (Ricardo Bueno) Técnico – Argel Fucks

Chapecoense: 98)Tiepo 2)Eduardo 3)Gum 4)Maurício Ramos (Régis) 6)Bruno Pacheco 8)Márcio Araújo 10)Gustavo Campanharo (Rafael Pereira) 12)Diego Torres 18)Aylon (Augusto) 77)Everaldo 27)Arthur Gomes Técnico – Emerson Cris

Arbitragem: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (CBF/SP), auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa/SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (CBF/SP) / Quarto Árbitro: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (CBF/AL) / Analista de Campo: George Alves Feitoza (CBF/AL) / Árbitro de Vídeo: Marcio Henrique de Gois (CBF/SP) Assistente de Vídeo 1: Vinicius Furlan (CBF/SP) / Assistente de Vídeo 2: Victor Hugo Imazu dos Santos (CBF/PR) / Observador de VAR: Emerson Luiz Sobral (CBF/PE)

Cartões amarelos: João Vitor, Alecsandro, Jonatan Gomez (CSA); Márcio Araújo-2, Rafael Pereira(Chape)

Cartão vermelho: Márcio Araújo-2 amarelos, Gum (Chap)

Estádio: Rei Pelé, em Maceió (Alagoas)

Horário: 19h (Domingo, dia 8/09/19)

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here