A Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), em Florianópolis, autorizou a contratação de 35 novos funcionários terceirizados, ao custo de quase R$ 5.658.059,88 milhões a mais por ano. O aditivo foi aprovado na última semana pela Coordenadoria de Licitações e Contratos da Alesc.

A empresa que presta serviços terceirizados para a assembleia ganhou a licitação em 2017 e o contrato prevê aditivos, como o que foi feito agora. Por mês, serão pagos R$ 471.504,99 mil pelos novos funcionários.

Foto: Agência Alesc / Divulgação

NOVO CARGO

Dessa vez foi criado um cargo que até então não existia: o de monitor de atividades de visitação e interação com o público. O salário desse terceirizado será de R$ 11 mil. Ele vai supervisionar a participação da assembleia em eventos internos e os que são realizados fora do local.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here