O primeiro caso importado de dengue foi confirmado em Chapecó. Uma mulher, de 64 anos, vinda de Brasília, esteve no município entre os dias 3 e 4 de março. Ela apresentou os sintomas da doença e procurou um hospital particular para atendimento médico.

Foto: PMC / Divulgação

A confirmação da doença pelo LACEN – Laboratório Central de Saúde Pública chegou na sexta-feira (8). Por orientação da Secretaria de Estado da Saúde, foi realizado em Chapecó, uma aplicação de inseticida nas regiões oeste de Chapecó, por onde a mulher esteve.

O Coordenador da Vigilância Ambiental, Douglas Fritzen, falou com a reportagem da Rádio Chapecó. Segundo o coordenador,  uma varredura pelos locais onde a mulher passou foi feita.

Ainda de acordo com Fritzen, o pedido é que todos se conscientizem para que o número elevado de focos que já somam 720 na cidade de Chapecó.

 

Combater o mosquito Aedes Aegipty deve ser uma preocupação diária de todos, visando especialmente eliminar os criadouros do mosquito. Tanto no verão, quanto no inverno o trabalho das equipes de combate da Administração Municipal, por meio da Secretaria de Saúde, não param e o principal foco das atividades são a prevenção e sensibilização da comunidade.

A orientação é para que a população receba os agentes e sigam as orientações repassadas.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here