Corpo de Bombeiros divulgou, na última semana, dados da Operação Veraneio 2018/2019 no Extremo-Oeste. Conforme o 12º Batalhão de Bombeiros Militar (12º BBM) com sede em São Miguel do Oeste, durante as ações os socorristas trabalharam no monitoramento, orientação, salvamentos e atendimentos diversos.

Conforme a corporação, na área do 12º BBM os postos de monitoramento foram instalados na foz do Rio Macaco Branco, em Itapiranga, e na foz do Rio das Antas, em Mondaí. As atividades iniciaram no dia 1º de dezembro de 2018 e encerram no dia 5 de março de 2019. Nos finais de semana e feriados atuaram nestes locais guarda-vidas civis treinados pelos bombeiros.

Com informações: Oeste em Foco

Durante o período, foi contabilizado a presença de 6.148 banhistas. Ao todo, 16 atendimentos foram realizados devido a lesões causadas por materiais cortantes e resgate de pessoas arrastadas pela correnteza, sem nenhum registro de óbito dentro da área patrulhada.

CLIQUE AQUI PARA ACOMPANHAR MAIS INFORMAÇÕES DE CHAPECÓ E REGIÃO

Três mortes por afogamento ocorreram entre dezembro e março. Uma em Tunápolis, outra em Anchieta e a mais recente em Paraíso, porém, nestes locais não havia a presença de guarda-vidas.

Para a corporação, a Operação Veraneio é o maior trabalho integrado de segurança pública do Estado de Santa Catarina com o engajamento do Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Militar, Polícia Civil, Instituto Geral de Perícias e Detran, envolvendo mais de dez mil pessoas. A avaliação final é positiva.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here