Antes da partida na quente tarde deste sábado (9) no Vale, Brusque e Chapecoense prestaram homenagem às vítimas do incêndio no Ninho do Urubu (Rio), quando 10 garotos da base do Flamengo morreram e outros três ficaram feridos. Jogadores do Verdão entraram em campo com uma faixa dizendo “#forcaflamengo Nós Estamos Com Vocês”. Os atletas também usavam uma tarja preta no braço em referência à tragédia de Brumadinho (MG).

Foto: Jorge Roberto / Rádio Chapecó

Era um time de reservas, novamente, em campo. Isso para poupar titulares, pois na próxima quarta-feira (13) o time do técnico Claudinei Oliveira estreia na Copa do Brasil. Até a metade do primeiro tempo os goleiros praticamente não trabalharam. Era um jogo de poucas emoções até então.

Foi a Chape que tirou o primeiro zero do placar, aos 22 minutos. Lourency recebeu de Roberto da esquerda, avançou e superou o goleiro Paulo Sérgio. Porém, no minuto seguinte, o árbitro Ramon Abatti Abel, em lance polêmico, marcou pênalti de Tharlis sobre Clebinho. A equipe de esportes da Rádio Chapecó foi unânime em dizer que não houve a falta a favor do time da casa. Hélio Paraíba cobrou e fez o 5º dele no campeonato.

Aos 35 minutos, Lourency, destaque na partida, fez perfeito cruzamento para Yann, que de dentro da área cabeceou e mandou para fora, perdendo um gol incrível. E quando a primeira etapa se encaminhava para o fim, um jogador apagado dentro de campo deixou a sua marca. Everaldo recebeu de Marcos Vinícius e, de cabeça, balançou a rede. O Verdão do Oeste encerrou os primeiros 45 minutos com a vitória parcial por 2 a 1.

Torcida da Chape em Brusque. Foto: Mateus Frozza

Sem alterações, o segundo tempo começou e não demorou para que a Chapecoense fizesse o terceiro. Lourency recebeu lançamento da esquerda e, no clarão da zaga adversária, deu um toque e tirou de Paulo Sérgio, marcando o seu segundo gol.

O artilheiro Hélio Paraíba fez mais um gol, aos 27 minutos, após cobrança de falta. Foi o sexto dele na competição. A partir daí o visitante caiu de produção e o Brusque, com incentivo da torcida, buscava o empate. O resultado final, no entanto, foi Brusque 2×3 Chapecoense, que segue invicta na temporada.

O próximo jogo da Associação Chapecoense de Futebol pelo campeonato estadual acontece no sábado (16), 17h, frente ao Figueirense, dentro da Arena Condá. Será o jogos dos líderes. Antes disso, na quarta-feira – 19h – tem São José/RS x Chape pela Copa do Brasil, em Porto Alegre.

Brusque: 1)Paulo Sérgio 2)Edilson 3)Douglas Silva 4)Neguetti 6)Airton 5)Ruan 8)Zé Mateus (Valkenedy) 7)Maranhão (Vicente) 10)Clebinho (Karl) 11)Jefferson Renan 9)Hélio Paraíba Técnico – Claudinei Oliveira

Chapecoense: 84)Ivan 97)Marcos Vinícius 34)Joilson 45)Hiago 32)Roberto 85)Tharlis 16)Orzusa (Khevin) 25)Yann 28)Alan Ruschel (Aylon) 77)Everaldo 13)Lourency (Júlio Cesar) Técnico – Marcelo Caranhato

Arbitragem: Ramon Abatti Abel, auxiliado por Kleber Lucio Gil e Alexandre de Medeiros Lodetti

Cartões amarelos: Marcos Vinícius (Chap); Airton (Bru)

Estádio: Augusto Bauer, em Brusque

Horário: 19 h (Sábado, dia 09/02/19)

Público: 2.391

Renda: R$ 45.435

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here