A Secretaria de Estado de Administração Prisional informou que dos 2.706 detentos que receberam o benefício da saída temporária de final de ano em Santa Catarina, 77 não haviam retornado às unidades prisionais até a segunda-feira (7).

O índice de apenados que não voltaram para os presídios representa 2,8% do total, mas o número é menor que do ano passado, quando 4,2% deixaram de retornar. A liberação iniciou no dia 15 de dezembro. O retorno estava previsto para até o último sábado, dia 5 de janeiro.

SAÍDA TEMPORÁRIA

A saída temporária é para os detentos do regime semiaberto que tenham bom comportamento e tempo suficiente de cumprimento da pena, sem distinção do crime cometido. O benefício tem prazo de sete dias e é autorizado pelo juiz da execução penal da comarca onde o sentenciado cumpre pena.

Em Chapecó, 15 detentos não voltaram após o benefício.

PRESOS QUE DEIXARAM DE RETORNAR ÀS UNIDADES

  • Penitenciária de Chapecó – 15 detentos
  • Colônia Agrícola de Palhoça – 12 detentos
  • Penitenciária de Itajaí – 10 detentos
  • Presídio de Blumenau – 6 detentos
  • Presídio de Criciúma – 6 detentos
  • Presídio Masculino de Tubarão – 5 detentos
  • Penitenciária de São Pedro de Alcântara – 5 detentos
  • Presídio de Jaraguá do Sul – 3 detentos
  • Penitenciária Industrial de Joinville – 2 detentos
  • Presídio Regional de Lages – 2 detentos
  • Presídio de Araranguá – 2 detentos
  • Penitenciária de Florianópolis – 1 detento
  • Unidade Prisional Avançada (UPA) de Videira – 1 detento
  • Presídio de Tijucas – 1 detento
  • Penitenciária Industrial de São Cristóvão do Sul – 1 detento
  • Presídio de Itajaí – 1 detento

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here