Após vencer o confronto direto contra o América-MG, no último sábado, a Chapecoense já está com as atenções voltadas para o confronto da próxima rodada. No domingo (04), a equipe enfrenta o Bahia em mais um jogo de seis pontos e, por conta disso, os trabalhos têm sido intensos.

Nesta terça-feira as atividades foram realizadas em dois períodos. Pela manhã, o grupo de atletas realizou trabalhos de força na academia da Arena Condá. Já na parte da tarde, no CT da Água Amarela, o elenco foi dividido em três equipes e, em campo reduzido, foram trabalhadas situações de jogo, com foco na marcação e no ataque e, depois, com atenção especial à simulação de contra-ataque e defesa.

Informações: Chapecoense

Antes da segunda parte das atividades, o volante Amaral, que vem sendo utilizado pelo técnico Claudinei Oliveira, destacou a importância da semana cheia de trabalhos para chegar com condições de vitória para a partida contra o Bahia. Amaral falou, ainda, sobre a confiança do grupo após o êxito na última rodada. “Uma vitória bastante importante, contra um adversário direto. Foi uma vitória que deu moral e mais confiança para trabalhar durante a semana. E agora, contra o Bahia, também temos um jogo de seis pontos, com um concorrente direto dessa briga. Vamos em busca do resultado positivo. Sabemos que é difícil, mas temos condições de ir lá e fazer um grande resultado” afirmou.

CLIQUE AQUI PARA ACOMPANHAR MAIS INFORMAÇÕES DA CHAPECOENSE 

O volante falou, também, sobre a importância de não ter sofrido gols no jogo do último sábado e destacou a maior segurança do setor defensivo. “Tendo segurança atrás, a possibilidade de ganhar aumenta. O professor chegou e disse pra gente que primeiro ia arrumar ali, o posicionamento, começando lá da frente, ajudando todo mundo, e acaba facilitando ali atrás. Isso deu resultado e a gente espera continuar contra o Bahia” disse

Por fim, Amaral afirmou a importância de pensar jogo a jogo e relembrou a partida fora de casa, contra o Bahia, no Brasileirão 2017. Na oportunidade, a Chape saiu vitoriosa. “A gente tem que saber que só depende da gente. Temos confronto direto, não dependemos dos outros. Então, estamos pensando no jogo a jogo. Focando no Bahia, que é um adversário difícil, mas que temos possibilidade de conseguir uma vitória. Ano passado também estava uma situação difícil e o Bahia estava numa crescente, igual tá agora, e a gente conseguiu o resultado positivo”.

 

Por Alessandra Seidel (ACF)

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here