A candidata Caroline de Toni (PSL) obteve a quarta maior votação de Santa Catarina na disputa para a Câmara dos Deputados. Ela foi a mulher mais votada na eleição do último domingo (7), tendo recebido 109.363 votos. Só em Chapecó foram 21.473, o que representa quase 25% dos votos válidos na maior cidade do Oeste.

Na manhã desta segunda-feira, Carol participou do programa Chapecó Notícias – 1ª Edição. Ela contou num pouco da sua trajetória, a mudança de partido e sobre os preparativos para eleição deste ano. Disse que chegou a ser convidada para concorrer a vice-governadora na chapa do Comandante Moises, mas preferiu a disputa federal.

Sobre os valores gastos na campanha, Caroline de Toni afirmou que a prestação final de contas ainda será encaminhada para a Justiça, mas o valor deve ficar em torno de R$ 60 mil. Na campanha para vereadora, em 2016, o valor gasto ficou abaixo de R$ 400.

 

 

Caroline de Toni concentrou a campanha para deputada no Oeste e no Extremo-Oeste. No entanto, utilizou bastante as redes sociais.

Sobre Jair Bolsonaro, candidato do PSL à Presidência da República, De Toni declarou que ele defende as liberdades individuais e que os contrários “invertem o cenário”. Ela também acredita em sucesso do candidato do partido no segundo turno em Santa Catarina, Comandante Moises.

 

 

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here