A produção de motos no Brasil cresceu 16,7% no primeiro semestre de 2018, informou a associação das fabricantes, a Abraciclo, nesta quarta-feira (11).

Foram 494.684 motos produzidas no país de janeiro a junho, enquanto no mesmo período do ano passado o setor havia feito 423.750 unidades.

Foto: Divulgação

“A ampliação do crédito e estabilidade de índices econômicos têm sido fundamentais para a evolução dos negócios”, disse Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.

O bom desempenho fez a indústria de motos brasileira rever as projeções do início do ano.

Antes, a expectativa era que a produção cresceria 5,9% em 2018, mas a agora a entidade prevê alta de 11%, o que significa produzir 980 mil unidades no ano.

RECUPERAÇÃO NAS VENDAS

As vendas de motos novas voltaram a crescer pela primeira vez no 1º semestre depois de 7 anos de quedas consecutivas.

De acordo com a associação das concessionárias, a Fenabrave, o segmento teve alta de 6,9% no acumulado de janeiro a junho, em relação ao mesmo período de 2017.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here